Mapinfo para Telecom - Parte 3 (tornar tabela editável, criar linhas a partir de pontos, criar mapas multi-temáticos)

terça-feira, 6 de setembro de 2011 11:14:00 Categories: Mapinfo
Rate this Content 0 Votes

Olá pessoal, vamos continuar com as nossas dicas de Mapinfo, com exemplos e aplicações para área de TI e Telecom.

 

 

Para isso vamos ver mais algumas necessidades e situações práticas encontradas no dia a dia.

 

Download

Para baixar os arquivos deste tutorial, clique aqui.

Observação: O Hunter SDK é o conjunto de ferramentas criadas e demonstradas no telecomHall – incluindo as Macros e Códigos. O Hunter SDK somente é enviado para Colaboradores Doadores, como forma de agradecimento pela contribuição realizada e reconhecimento do esforço dedicado. Clique aqui se desejar saber mais.

 

Tornando uma Tabela Editável

Quando você importa uma planilha do Excel, ou um arquivo Texto para o Mapinfo, esse arquivo por padrão é do tipo ‘Apenas-Leitura’. Isso acaba sendo um problema quando você precisa manipular esses dados.

 

Existem duas formas de se resolver esse problema.

A primeira é salvar uma cópia da tabela ‘apenas-leitura’. Aí você pode trabalhar sem problemas com essa nova tabela.

 

O problema nesse caso, é que você precisa salvar uma ‘nova’ tabela.

Uma outra forma de resolver isso é, no momento da importação do arquivo, informar que o mesmo deve ser editável, para isso marque o campo que informa ao Mapinfo para abrir esse arquivo no formato leitura/escrita.

 

Dessa forma, você poderá fazer as edições no arquivo.

 

Criando Linhas a partir de Pontos (por exemplo para uma rota de Drive Test)

Imagine o seguinte cenário: você realizou um drive test de uma estrada recém construída, que portanto não existia nenhuma base de dados sua, e nem mesmo no Google Earth a mesma está atualizada. Ou seja, você não tem os arruamentos dessa estrada - ou outro local qualquer.

E então, como obter o arruamento? Ou seja, como converter os pontos em uma única linha ou vetor?

 

Uma solução simples para resolver esse problema é utilizar o aplicativo Mapbasic ‘Connect the Dots’. Essa aplicação é fornecida gratuitamente para Download, incluindo o código fonte, no site http://www.directionsmag.com/files/view/connectthedots-119zip/138951.

 

Ela cria um polígono ou polilinha para os pontos selecionados com o mouse, na ordem em que os mesmos aparecem na tabela que contém os mesmos. Baixe o programa, e rode o mesmo.

 

Nota: como toda aplicação Mapbasic, você pode configurar de tal forma que a mesma esteja sempre disponível, ou que fique disponível quando você precisar. Já vimos como fazer isso utilizando o Gerenciador de Ferramentas Mapbasic, no Menu Ferramentas, portanto não há necessidade de repetirmos aqui.

O programa oferece uma série de opções, como por exemplo criar ‘Polygon’ ou ‘Polyline’, e deletar os pontos ao rodar.

 

Após selecionar os pontos desejados, e clicar no botão ‘OK’, as nossas linhas são criadas, como esperado.

 

Você pode trabalhar agora com esse novo vetor, inclusive alterando os seus atributos, como fizemos acima, alterando a cor para vermelho.

 

Criando Multi Mapas Temáticos (mais de uma variação)

A atualização de mapas temáticos é uma das excelente tarefas que podemos fazer facilmente com o Mapinfo. Mas, e se quisermos fazer uma mapa temático com mais de uma variação?

Por exemplo, seja a tabela de exemplo para ‘Quedas de Chamadas (DROP)’ e ‘Quedas de Chamadas % (DROP_P)’ como mostrada abaixo.

 

Como podemos representar as duas grandezas – ao mesmo tempo – em um mesmo mapa?

Vamos aprender como criar essa interessante vizualização dos nossos dados.

Primeiro, abra a tabela normalmente, criando os pontos para as coordenadas disponíveis no arquivo.

 

Altere também o estilo dos símbolos de nosso layer para um estilo mais amigável. No ‘Controle de Camadas’ – que pode ser acessado clicando com o botão direito no mapa – selecione a camada ‘sample_sites_dropKPI’ (1), clique em ‘Display’ (2). Em seguida, marque ‘Style Override’ (3) e clique no símbolo (4).

 

Defina ‘Font’ como ‘Mapinfo Symbols’ (1), e ‘Symbol’ e ‘Color’ conforme mostrado na figura (2).

 

Pronto, aí está nosso ponto de partida.

 

Vamos então, criar o primeiro mapa temático, utilizando a variação de ‘Ranges’ para ‘Quedas de Chamadas % (DROP_P)’.

 

 

Para isso, acesse o Menu: ‘Map’ (1) -> ‘Create Thematic Map...’ (2).

 

Na próxima janela, escolha ‘Type’ como ‘Ranges’ (1) e ‘Template Name’ como ‘Region Ranges, Default’ (2). Clique no botão ‘Next’ (3).

 

Na etapa 2, escolha a tabela ‘sample_sites_dropKPI’ (1), e o campo ‘DROP’ (2). Clique no botão ‘Next’ (3).

 

Na última etapa, clique no botão ‘Ranges’ (1), para escolher cores mais representativas para os Estilos.

 

Para cada um dos estilos, atribua uma cor significativa (por exemplo, vermelho para os maiores valores, e azul (1) para os menores).

 

Feito isso, já temos uma boa visualização.

 

Mas podemos melhorá-la, por exemplo, mostrando os rótulos de cada ponto. Como o mapa temático foi criado para ‘DROP_P’, vamos mostrar esse valor.

Então, selecione novamente o Layer (1), e clique no botão ‘Label’ (2). Nota: temos aqui várias opções, todas a respeito da formatação dos nossos rótulos. Fazemos várias alterações de formatação como mostrado na imagem abaixo.

 

Perceba que fica a visualização fica melhor, pois identificamos o valor específico de ‘DROP_P’ para cada ponto.

 

Por exemplo, já podemos identificar facilmente quais os sites tem a pior Taxa de Quedas (em vermelho).

Mas vamos continuar, pois podemos melhorar ainda mais.

Vamos agora criar um segundo mapa temático, usando os valores de quantidade absoluta de ‘Quedas de Chamadas (DROP)’.

Crie um novo Mapa Temático, escolhendo ‘Type’ como ‘Ranges’ (1), mas em ‘Template Name’ selecione ‘Point Ranges, Varying Sizes’ (2). Clique no botão Next (3).

 

Na segunda etapa da criação, escolha agora o campo ‘DROP’ (1).

 

E na etapa final, escolha o atributo ‘Size’ em ‘Apply’ (1). Em ‘Auto Spread Style by’, escolha ‘Constant’ (2).

 

Temos então o resultado, combinando os nossos 2 mapas temáticos.

 

Mas nós temos 2 grandezas tematizadas, e é desejável que o rótulo mostre as duas. E como fazer isso? Como mostrar um label no Mapinfo utilizando mais de uma coluna? Além disso, podemos mostrar o nome do site?

Para isso, vamos aprender um pouco mais sobre Labels: o uso de Expressões!

Utilizando expressões, podemos combinar um ou mais colunas para obtenção de um rótulo, o que é bem interessante no nosso caso.

Acesse novamente a janela de opções de rótulo, e escolha a opção ‘Expression...’ (1).

 

Construa a expressão para mostrar o nome do site ‘name’, seguido de ‘DROP’ e ‘DROP_P’, como mostrado abaixo. Observe que utilizamos o a função ‘Chr$(13)’ para inserir uma quebra de linha.

 

O resultado final, bem mais significativo.

 

Várias análises e conclusões podem ser tiradas do mapa. Uma delas: Embora os sites AAG e AAB estejam ‘vermelhos’, ou sejam, tenham a maior Taxa de Quedas de Chamadas, é o site AAD o maior ofensor de nossa rede – vemos isso através do tamanho do símbolo. Embora ele esteja verde (baixa Taxa), o tamanho indica elevado número Absoluto de Quedas!

Bom pessoal, por hoje é isso. Esperamos que tenham gostado, e agradecemos a divulgação para seus colegas.

 

Conclusão

Este foi mais mais um tutorial da série Mapinfo para Telecom.

Hoje continuamos aprendendo novas dicas de utilização, como tornar uma tabela editável, criar linhas a partir de pontos (por exemplo para transformar um Drive Test em arruamento), e também como criar multi mapas temáticos, envolvendo atributos de cor e tamanho dos símbolos para grandezas diferentes (DROP e DROP_P).

Esperamos que tenham gostado, e até nosso próximo encontro!